AÇÚCAR

Açúcar domina mercado sucroalcooleiro brasileiro



02.02.2010 - 03:07

O mercado de açúcar continua em seu ótimo desempenho, sem perspectivas de queda para o primeiro trimestre de 2010.

De acordo com a Archer Consulting, empresa especializada em gestão de riscos agrícolas, o volume fixado de açúcar pelo Brasil para a safra de 2010/2011, incluindo o que foi rolado da safra 2009/2010 é de 6,934 milhões de toneladas com um preço médio de 19,91 centavos de dólar por libra-peso.

"A falta de crédito e a restrição por parte das tradings de permitir a fixação das usinas para períodos de embarque mais longos são a principal razão desse volume modesto (menos de 30%)", avalia Arnaldo Luiz Corrêa, gestor de riscos da Archer Consulting.

O Brasil fechou o ano de 2009 com uma exportação de açúcar de 24 milhões toneladas, num total de US$ 8 bilhões, com preço médio de 15 centavos de dólar por libra-peso. Esse volume representa um acréscimo de 24,75% em relação à exportação de 2008.

Para Arnaldo, existem vários pontos que dão sustentação ao otimismo para 2010. "O difícil é traduzi-los em termos de preços, pois a curva do açúcar em NY é demasiadamente invertida. Isto é, para que o outubro de 2010 tenha o mesmo nível de março de 2010, precisaríamos de uma alta de 34% naquele mês. O março de 2011, por sua vez, está 30% abaixo do março de 2010. Essas distorções ocorrem porque o sentimento é de extrema volatilidade e a oferta e demanda de curto prazo estão muito suscetíveis a qualquer alteração de disponibilidade", resume ele.