CONSUMO

Pepsico busca aumentar o consumo de água de coco



12.01.2011 - 03:42

Em um dos poucos países no mundo onde ainda existe o hábito de se tomar água de coco, a Pepsico busca parcerias com produtores para redução no preço das gôndolas. "Há ainda poucos números sobre o mercado de água de coco, mas calcula-se que o coco vendido nas ruas, responda por 80% do volume, consumido no país", afirma Newton Yorinori, diretor agrícola da divisão de alimentos América Latina da Pepsico.

Mesmo assim, as vendas de água de coco embalada em caixinhas Tetra Pak cresceu cerca de 18% em 2010. E o desafio é examente este, segundo a Pepsico, aumentar o número de consumidores da bebida, e uma das principais barreiras a serem enfrentadas é o preço. Para isso, a Pepsico tem fornecido contratos exclusivos aos produtores, propondo preço fixo e compra uniforme em volume durante todos os meses do ano, que segundo a empresa é de 4 mil toneladas por ano. Com técnicas de fertilização e preparo do solo, a Pepsico conseguiu nos últimos anos em sua fazenda uma produção entre 12 mil e 15 mil toneladas por hectare, cerca de três vezes mais que a média. O objetivo é recolher resultados da estratégia dentro de dois a três anos.