INOVAÇÃO

EUA aprova proteína de colágeno para indústria de alimentos



10.08.2009 - 01:52

O USDA/FSIS, órgão regulador de produtos de origem animal dos Estados Unidos, aprovou a utilização da proteína de colágeno Novapro para a indústria alimentícia. O produto está apto para produção de carnes industrializadas e demais produtos regulamentados pelo órgão. No Brasil, a proteína é produzida pela NovaProm Food Ingredients, empresa do Grupo Bertin. “Esta é uma excelente notícia, pois além de abrir as portas do mercado norte-americano no setor de alimentação e carnes, a aprovação é internacionalmente reconhecida, dando maior credibilidade ao nosso produto”, salienta Beatriz Clark, diretora técnica da NovaProm.

A Novapro é uma proteína de colágeno animal na sua forma pura, não desnaturada e com teor protéico mínimo de 99%. Ela é extraída das camadas internas da pele bovina. A utilização na indústria de alimentos pode reduzir a eliminação de água em produtos frescos e cozidos, aumentar a estabilidade durante a vida de prateleira, melhorar a textura e o fatiamento, reduzir o tempo de maturação em embutidos secos, melhorar a retenção de gordura e a textura e aparência dos produtos com baixo teor de gordura.

O colágeno é um alimento que possui alto grau de segurança e valor funcional. Entre suas propriedades funcionais pode-se citar o efeito regenerativo em ossos, articulações e tecidos do coração, retardo do envelhecimento da pele e manutenção da consistência e elasticidade dos tecidos.